Despedida de Luciana Lóssio do TSE é marcada por muitas homenagens

Depois de quase seis anos de atuação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a advogada e jurista Luciana Lóssio encerrou suas atividades no Órgão no dia 5 de maio – quando completou o segundo biênio como membro efetivo do TSE. A despedida, com muitas homenagens, aconteceu um dia antes, na última sessão plenária da ex ministra.

Presidente do TSE, Gilmar Mendes

O atual presidente da Corte Eleitoral, o ministro Gilmar Mendes, no dia 4 de maio, em nome de todos os ministros da Casa, agradeceu o trabalho de Luciana e destacou a postura “serena e agregadora” da advogada. Ele também acentuou a vasta experiência da jurista na área do Direito Eleitoral e o fato dela ter consolidado, na ocasião da sua posse como membro efetivo, lá em 2013, a maioria feminina na composição do Tribunal. Na época, com a entrada de Luciana Lóssio, o TSE passou a somar quatro mulheres e três homens em seu quadro efetivo.

A ex ministra foi a quarta mulher a ingressar na Corte, “ratificando a salutar transformação pelo qual o antigo modelo hegemônico estava passando”, disse Gilmar Mendes. Luciana, na ocasião, atuou com as ministras Cármen Lúcia, Nancy Andrighi e Laurita Vaz.

O empenho da jurista em estimular o engajamento feminino no cenário político brasileiro foi outro ponto de destaque para o presidente do TSE – que finalizou desejando a Luciana Lóssio sucesso pessoal e profissional e que a advogada continue dando voz à participação das mulheres nos mais diversos espaços institucionais do país.

Ibrade

A advogada Angela Baeta, em nome do Instituto Brasileiro dos Advogados de Direito Eleitoral (Ibrade), afirmou, da tribuna, que a nomeação de Luciana foi muito festejada pela advocacia – por conta dela ter sido a primeira advogada nomeada para o cargo na vaga destinada aos juristas. “A ministra honrou a toga e muito orgulha a advocacia brasileira”, disse Angela.

O vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino

O vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino, cumprimentou a jurista e desejou a ela “todo sucesso na continuidade de sua jornada profissional”.

A ex ministra

Em seu discurso de despedida, Luciana Lóssio, agradeceu as palavras de todos, bem como a “dedicação diferenciada e extremada” dos servidores de seu gabinete.

“Só tenho a agradecer a convivência harmoniosa e o aprendizado nos inúmeros debates. Foi uma enorme honra integrar a Justiça Eleitoral brasileira e contribuir para o aprimoramento do regime democrático na presença de tão ilustres ministros. Volto para o outro lado da tribuna com a certeza de dever cumprido”.

Para a ex ministra, a Justiça Eleitoral é uma família que se une no trabalho cotidiano. Ela ainda disse orgulhar-se por ter participado do “inadiável debate sobre a sub-representação da mulher na política” e ressaltou a esperança de que esses avanços reflitam uma mudança cultural sobre o tema.

Trajetória no TSE

Luciana Lóssio foi indicada no final de 2011 para ser ministra substituta no TSE. Dois anos depois, em 2013, foi nomeada ministra titular da casa, onde permaneceu até o último dia 5 de maio.

 

 

 

May 26, 2017

Posted In: Recentes